"Buscar-me-eis, e me achareis, quando me buscardes de todo o vosso coração"               Jer 29:13

Mensagem da Semana

Mensagens anteriores

Mensagens de encorajamento

JAMI - CBN

  Bíblia   Sagrada

Cura e Libertação

     Portal      Batista

Assinar Livro de visitas

Livro de visitas Registros Antigos

Facebook

Deixe Deus Controlar Sua Língua

26.09.2020  

“O que guarda a sua boca e a sua língua guarda a sua alma das angústias.” Provérbios 21:23.

Existem duas atitudes que devemos tomar ante o tratamento injusto: não pecar (não agir independentemente de Deus) e manter a boca fechada (Isto significa que não deve haver batalhas verbais; mas, não devemos dar ao ofensor o “tratamento silencioso”).

Jesus falou quando o crucificaram, mas não revidou nem fez ameaças. Controlado pelo Espírito, jamais agiu em separado do amor. O amor “não busca os seus interesses, não se irrita não suspeita mal” (I Corintios 13:5). O Amor estava pendurado na cruz!

O mesmo Deus do Calvário está presente quando você toma a sua cruz e o segue. Não leve o que digo a extremos. A chave do Cristianismo é o equilíbrio. O equilíbrio vem do conhecimento do conselho de Deus, que evita sairmos pela tangente. Para prová-lo, citarei uma ocasião em que Jesus respondeu: “Replicou Pilatos: Porventura sou eu judeu? O teu povo e os principais sacerdotes entregaram-te a mim; que fizeste? Respondeu Jesus: O meu reino não é deste mundo; se o meu reino fosse deste mundo, pelejariam os meus servos, para que eu não fosse entregue aos judeus; mas agora o meu reino não é daqui. Disse-lhe, pois Pilatos: Logo tu és rei? Jesus respondeu: Tu dizes que sou rei. Eu para isso nasci, e para isso vim ao mundo, a fim de dar testemunho da verdade. Todo aquele que é da verdade ouve a minha voz. Disse-lhe Pilatos: Que é a verdade? E dito isto, de novo saiu a ter com os judeus, e disse-lhes: Não acho nele crime algum.” (João 18:35-38).

E também no texto: “E entrando outra vez no pretório, perguntou a Jesus: Donde és tu? Mas Jesus não lhe deu resposta. Disse-lhe, então, Pilatos: Não me respondes? não sabes que tenho autoridade para te soltar, e autoridade para te crucificar?  Respondeu-lhe Jesus: Nenhuma autoridade teria sobre mim, se de cima não te fora dado; por isso aquele que me entregou a ti, maior pecado tem”. (João 19:9-11).

O exemplo que Jesus nos deixou foi uma língua sob o controle de Deus, palavras agradáveis e temperadas com sal. “A vossa palavra seja sempre com graça, temperada com sal, para saberdes como deveis responder a cada um” (Colossenses 4:6), “Primeiramente pura, depois pacífica, moderada, tratável, cheia de misericórdia e de bons frutos, sem parcialidade e sem hipocrisia.” (Tiago 3:17).

Extraído e adaptado do livro: Amados

Autor: Kay Arthur

Para Meditar:"Assim também a língua é um pequeno membro, e se gaba de grandes coisas. Vede quão grande bosque um tão pequeno fogo incendeia. A língua também é um fogo; sim, a língua, qual mundo de iniqüidade, colocada entre os nossos membros, contamina todo o corpo, e inflama o curso da natureza, sendo por sua vez inflamada pelo inferno." Tiago 3:5-6.

Oração: Senhor, eu Te peço que me ajude a estar sempre alerta, agindo com equilíbrio, dominando a minha língua e minhas atitudes, para que eu seja sempre uma fonte de bênçãos. Que da minha boca saiam somente palavras de vitória e vida. Que as minhas palavras sejam de cura e de vida abundante. Eu peço e agradeço em nome de Jesus Cristo.” Amém.

.

 

Atualizada em 26.09.2020

Copyright 2000 - 2020 © - Buscando Jesus - Todos os Direitos Reservados