Obrigado pela visita, Deus te abençoe Jesus te ama

"Buscar-me-eis,               e me achareis, quando me buscardes de todo o vosso coração"               Jer 29.13

.

 

Página Inicial    

Agradecimentos

Bíblia Sagrada 

Cartões             

Palavra Jovem 

Mensagens anteriores        

Mensagens Virtuais        

 

.

Mensagens Anteriores

 Voltar para a lista de Mensagens

Quem Empurra o Seu Balanço?

05.01.2013  

As crianças adoram brincar no balanço. Não existe nada igual.

Impulsionar os seus pés em direção ao céu, deitando-se para trás de maneira que tudo parece estar de ponta-cabeça. As árvores girando, o estômago que vem parar na sua garganta... Ah, balançar...

Aprendi muito a respeito de como confiar num balanço. Quando eu era criança, confiava em poucas pessoas para empurrar o meu balanço. Se eu era empurrado por pessoas em quem eu confiava (como, por exemplo, o meu pai ou a minha mãe), eles poderiam então fazer qualquer coisa que quisessem. Poderiam me girar, me virar, me parar... Eu amava isso! Eu amava porque confiava na pessoa que estava me empurrando. Mas se um estranho empurrasse o meu balanço (o que normalmente acontecia nas reuniões de família e nos piqueniques de Quatro de Julho), e falasse: "Segura, querido!", quem é que sabia o que esse estranho faria? Quando um estranho empurra o seu balanço, você fica tenso, se embaralha todo e segura firme.

Não é divertido quando o seu balanço está nas mãos de alguém que você não confia.

Lembra-se de quando Jesus acalmou a tempestade em Mateus 8? A tempestade não era uma simples chuva de primavera. Esta era A Tempestade. Mateus chama a tempestade de seismos, que é a palavra grega para "terremoto". As ondas desse terremoto eram tão grandes que o barco ficava escondido. O mar da Galileia pode gerar uma tempestade violenta. O escritor Barclay disse que "no lado leste da água existem morros com vales e erosões e, quando um vento gelado vem do leste, esses vales e erosões agem como funis gigantes. O vento se torna comprimido dentro deles e corre sobre o lago com uma violência selvagem".

Não, Senhor, esta não era uma chuva de primavera. Era uma tempestade esplêndida. Era assustadora o suficiente para espantar uma dúzia de discípulos. Mesmo pescadores veteranos como Pedro sabiam que aquela poderia ser a última de suas vidas. Sendo assim, com o medo e a água diante das suas faces, eles correram para acordar Jesus.

Eles correram para fazer o quê? Jesus estava dormindo? As ondas arremessavam o barco como pipocas em uma panela, e Jesus estava dormindo? As águas estavam enchendo o convés e ensopando os pescadores, e Jesus estava na terra dos sonhos? Como ele poderia dormir durante uma tempestade?

É muito simples. Ele sabia quem estava empurrando o balanço.

Os joelhos dos discípulos estavam tremendo porque os seus balanços estavam sendo empurrados por um estranho. Mas com Jesus era diferente. Ele pôde achar paz na tempestade. Nós vivemos num mundo cheio de tempestades. No momento desta escrita, guerras acontecem em ambos os hemisférios do nosso Globo. O conflito mundial está ameaçando toda a humanidade. Trabalhos estão se tornando escassos. O dinheiro continua desaparecendo. Famílias estão sendo destruídas.

Para todos os lugares que olho, estão acontecendo tempestades particulares. Mortes familiares, casamentos quebrados, corações machucados, noites solitárias. Nós devemos nos lembrar de quem está empurrando o balanço. Devemos colocar a nossa confiança nele. Não podemos crescer cheios de medo. Ele não permitirá que caiamos.

Quem empurra o seu balanço? Nas mãos certas, você pode encontrar paz... ainda que na tempestade.

Você está balançando livremente ou está no meio de uma tempestade?

Você se vê aprendendo a confiar mais em Deus em ambas as circunstâncias?

Neste ano que se inicia, peça para Deus para empurrar o seu balanço. Entregue a sua vida nas mãos de Jesus e viva feliz.

Extraído e adaptado do livro: Moldado por Deus

Autor: Max Lucado

Para Meditar: "Deleita-te também no Senhor, e ele te concederá o que deseja o teu coração. Entrega o teu caminho ao Senhor; confia nele, e ele tudo fará." Salmos 37:4-5.

Oração:Senhor, obrigado por estar empurrando o meu balanço e por me proporcionar uma vida tão tranqüila e abençoada. Pai, eu Te peço que continue a conduzir a minha vida com a segurança que só Tu podes proporcionar. Eu oro e agradeço em nome de Jesus Cristo.” Amém.

ENVIAR ESTA MENSAGEM PARA AMIGOS

Copyright 2000 - 2013 © - Buscando Jesus - Todos os Direitos Reservados