Obrigado pela visita, Deus te abençoe Jesus te ama

"Buscar-me-eis,               e me achareis, quando me buscardes de todo o vosso coração"               Jer 29.13

.

 

Página Inicial    

Agradecimentos

Bíblia Sagrada 

Cartões             

Palavra Jovem 

Mensagens anteriores        

Mensagens Virtuais        

 

.

Mensagens Anteriores

 Voltar para a lista de Mensagens

O Pedido de Deus: Volte!

02.04.2011  

Ouça, por favor! As palavras pareciam extraídas de um coração cheio de agonia: “Eu te amo”.

“Me ama? Como...como me amou?” A resposta dela, em voz alta, era altiva, indignada, fazendo beicinho. Suas palavras desdenhosas provocaram estampidos de trovão na atmosfera. A face quente do amor infinito de Deus colidira de súbito com os ventos gelados da insolência dela. Era inevitável. A tempestade não se faria esperar, e duraria 400 anos. Essas seriam suas últimas palavras se ela não desse ouvidos, se não voltasse a ser a esposa que deveria ser. E ela não o escutou. O silêncio reinou então por 400 anos, e Israel fez a sua própria vontade, embora levasse o nome dEle.

Depois, na plenitude do tempo, Deus quebrou o silêncio. E declarou novamente: “Eu te amo”. Como prova, ofereceu seu único Filho. Mesmo assim ela mostrou-se soberba. Quem precisava dEle e dos seus termos?

“Jerusalém, Jerusalém, que matas os profetas, e apedrejas os que te são enviados! quantas vezes quis eu ajuntar os teus filhos, como a galinha ajunta os seus pintos debaixo das asas, e tu não quiseste! Eis que a vossa casa vai ficar-vos deserta; porque eu vos digo que desde agora me não vereis mais, até que digais: Bendito o que vem em nome do Senhor” (Mateus 23:37-39).

Alguém já amou você somente nos seus próprios termos? Sendo termos errados, você não pôde continuar a aceitá-los. Você tentou falar, mas não havia diálogo! A pessoa não queria enxergar, nem admitir que estava errada.

Se você passou por algo assim, teve então um vislumbre do que Deus precisou enfrentar por Israel.

Deus ama a sua Igreja, a Noiva de Cristo, do mesmo modo. Todavia, com freqüência, só queremos o seu amor pelos nossos termos. Ele nos ama, mas nos desviamos. E Ele quer que voltemos. Vamos ouvi-lo?

O amor não é expresso apenas em palavras de louvor, bondade, consolo e apreciação, como nos ensina Hebreus: “Filho meu, não desprezes a correção do Senhor, e não desmaies quando por ele fores repreendido; porque o Senhor corrige o que ama e açoita a qualquer que recebe por filho. Se suportais a correção, Deus vos trata como filhos; por­que, que filho há a quem o pai não corrija?” (Hebreus 12:5-7).

Amor e disciplina andam juntos, pois o amor deseja o maior bem do outro, jamais busca o próprio interesse (1 Coríntios 13:5).

Recebi de Deus a mesma mensagem enviada a Israel através do último profeta do Antigo Testamento, Malaquias: “Eu não tenho prazer em vós... Tornai vós para mim, e eu tornarei para vós” (Malaquias 1:10; 3:7).

Não estou afirmando que você tenha se desviado, como Israel: o Cristianismo não o aborrece; pelo contrário, lhe dá grande alegria. No entanto, somos membros de um corpo - a Igreja. Demos as mãos a outros que professam conhecer Jesus, e foram envolvidos pela formalidade; que se julgam doutrinariamente sadios, mas não consideram a Palavra mais valiosa do que o alimento que lhes é necessário; que têm forma de piedade, mas não conhecem o poder de Deus; que desprezam outros cristãos por serem extremamente zelosos e consagrados. A estes, Deus repreende em amor.

Contudo, há um remanescente fiel, como nos tempos de Malaquias, “os que temem ao Senhor, e... os que se lembram do seu nome” (Malaquias 3:16), e Deus tem uma palavra para você também. Atentemos para ela.

Vamos dar ouvidos à voz de Deus. Depois, levantemos e proclamemos a sua verdade do alto das casas, a fim de que outros possam ouvir e voltar para Ele.

Extraído e adaptado do Livro: Amados

Autor: Kay Arthur

Para Meditar: "De longe o Senhor me apareceu, dizendo: Pois que com amor eterno te amei, também com benignidade te atraí. De novo te edificarei, e serás edificada ó virgem de Israel! ainda serás adornada com os teus adufes, e sairás nas danças dos que se alegram." Jeremias 31:3-4.

Oração: “Senhor, quero voltar para a Tua presença e para a Tua casa. Peço perdão por me afastar de Ti e pelos pecados que cometi. Obrigado por seu tão grande amor, pela sua bondade e misericórdia. Pai, purifica a minha vida e ajuda-me a andar de acordo com a Tua palavra, resistindo às tentações do inimigo.” Amém.

ENVIAR ESTA MENSAGEM PARA AMIGOS

Copyright 2000 - 2011 © - Buscando Jesus - Todos os Direitos Reservados