Obrigado pela visita, Deus te abençoe Jesus te ama

"Buscar-me-eis,               e me achareis, quando me buscardes de todo o vosso coração"               Jer 29.13

.

 

Página Inicial    

Agradecimentos

Bíblia Sagrada 

Cartões             

Palavra Jovem 

Mensagens anteriores        

Mensagens Virtuais        

 

.

Mensagens Anteriores

 Voltar para a lista de Mensagens

Ódio no Coração

28.05.2016  

Nós o amamos a ele porque ele nos amou primeiro. Se alguém diz: Eu amo a Deus, e odeia a seu irmão, é mentiroso. Pois quem não ama a seu irmão, ao qual viu, como pode amar a Deus, a quem não viu? E dele temos este mandamento: que quem ama a Deus, ame também a seu irmão.” 1 João 4:19-21.

É um fato lógico que para jogarmos lama em alguém, temos que nos envolver com a lama. Tal colocação pode lhe parecer muito óbvia, mas esta é a questão do ódio.

Quando conservamos o ódio em nosso coração, primeiro ele haverá de nos machucar. Quando amaldiçoamos alguém, a maldição tem de estar dentro de nós. Ela fará danos, primeiro, em nós mesmos.

O organismo da pessoa que alimenta ressentimentos fica susceptível a um equilíbrio emocional tal que, dependendo da intensidade, pode causar até mesmo um estado patológico. Existem inúmeros trabalhos publicados que atestam que por ser a nossa estrutura interligada ao sistema nervoso, numa situação desta, todo o nosso centro emocional fica perturbado, provocando o enfraquecimento da resistência do organismo, deixando-o vulnerável a diversas doenças.

Ter um coração puro, livre do ódio e que sabe perdoar é coisa para pessoas inteligentes. Quem mais sofre são aqueles que não perdoam, pois carregam o peso do ódio. Você precisa libertar-se desse fardo pesado que está em seus ombros.

Jesus, em Mateus 6:14 e 15, foi bem claro ao afirmar que o nosso Pai Celestial nos perdoa, à medida que perdoamos as ofensas do outro. Ele ainda diz que se não perdoarmos aos homens, Deus também não nos perdoará. Portanto, é necessário que libertemos o nosso coração de todo sentimento de vingança e de ódio. É necessário que tenhamos os nossos ouvidos fechados às calúnias que são proferidas contra nós. Também, é indispensável que guardemos a nossa língua de toda a maldade.

Na verdade, para o nosso próprio bem, nós somos instados pelo Senhor Jesus a perdoar as ofensas do nosso próximo. Jesus nos orienta dessa forma, porque um coração que alimenta animosidades e ressentimentos tem prejudicado a sua relação com Deus, entristece o Espírito Santo e, conseqüentemente, é doente e infeliz.

Extraído e adaptado do Livro: O Segredo para Viver Feliz - Volume I

Autor: Clovis Rosa Nery

Para Meditar: "Ainda que eu falasse as línguas dos homens e dos anjos, e não tivesse amor, seria como o metal que soa ou como o sino que tine. E ainda que tivesse o dom de profecia, e conhecesse todos os mistérios e toda a ciência, e ainda que tivesse toda a fé, de maneira tal que transportasse os montes, e não tivesse amor, nada seria. E ainda que distribuísse toda a minha fortuna para sustento dos pobres, e ainda que entregasse o meu corpo para ser queimado, e não tivesse amor, nada disso me aproveitaria. O amor é sofredor, é benigno; o amor não é invejoso; o amor não trata com leviandade, não se ensoberbece. Não se porta com indecência, não busca os seus interesses, não se irrita, não suspeita mal; Não folga com a injustiça, mas folga com a verdade; Tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta." 1 Coríntios 13:1-7.

Oração: “Senhor, eu Te peço que me ajude, para que o meu coração esteja sempre pronto a perdoar. Que eu tenha o amor de Cristo em meu coração e venha a agir sempre debaixo da unção desse amor, conforme tudo o que ensina a Tua Palavra. Eu peço e agradeço em nome de Jesus Cristo.” Amém.

ENVIAR ESTA MENSAGEM PARA AMIGOS

Copyright 2000 - 2016 © - Buscando Jesus - Todos os Direitos Reservados