Obrigado pela visita, Deus te abençoe Jesus te ama

"Buscar-me-eis,               e me achareis, quando me buscardes de todo o vosso coração"               Jer 29.13

.

 

Página Inicial    

Agradecimentos

Bíblia Sagrada 

Cartões             

Palavra Jovem 

Mensagens anteriores        

Mensagens Virtuais        

 

.

Mensagens Anteriores

 Voltar para a lista de Mensagens

Vivendo Sob Autoridade

03.07.2010  

Quando o reino de Israel foi estabelecido, Deus inaugurou formalmente a sua autoridade sobre a terra. Os israelitas, tendo entrado em Canaã, pediram um rei a Deus. Por causa disso Deus comissionou Samuel para ungir Saul como o primeiro rei. Saul foi escolhido e estabelecido por Deus para constituir sua autoridade delegada. Infelizmente, depois de se tornar rei, desobedeceu à autoridade de Deus até o ponto de tentar destruí-la. Poupou o rei dos amalequitas e o que havia de melhor entre as ovelhas, os bois, os animais cevados, os cordeiros e tudo o que era bom. Uma vez que isto foi feito em desobediência à palavra de Deus, Deus rejeitou Saul e ungiu Davi. Não obstante, Davi continuou um homem sob a autoridade de Saul. Pertencia ao povo de Saul, estava alistado no seu exército e foi, mais tarde, escolhido para ser genro de Saul, Portanto os dois eram ungidos. Mas Saul procurou, muitas vezes, matar Davi. Israel tinha dois reis! O rejeitado permanecia no trono; o escolhido ainda não subira. Davi se encontrava em posição dificílima.

Saul saiu à procura de Davi no deserto de En-Gedi. No trajeto entrou numa caverna em cujo interior se encontravam assentados Davi e os seus homens. Os homens de Davi sugeriram que Davi poderia matar Saul, mas Davi resistiu à tentação pois não se atrevia a levantar sua mão contra a autoridade. Fazê-lo seria rebelar-se contra a autoridade de Deus, uma vez que a unção do Senhor permanecia sobre Saul. Embora Saul fosse rejeitado, ainda era o ungido de Deus - alguém estabelecido por Deus. Se Saul fosse morto naquele momento, Davi subiria imediatamente ao trono e a vontade de Deus não teria sido atrasada em tantos anos. Mas Davi era um homem que sabia como negar-se a si mesmo. Ele preferia atrasar a sua subida ao trono a ser uma pessoa rebelde. Eis por que finalmente veio a ser a autoridade delegada por Deus.

Para que se sirva a Deus, a sujeição à autoridade é uma necessidade absoluta. A obediência transcende nosso trabalho. Davi não se atreveu a matar Saul com suas próprias mãos a fim de executar o plano e a vontade de Deus. Ele aguardou que Deus operasse; seu coração permaneceu silenciosamente obediente.

A percepção espiritual de Davi era tão aguda quanto a dos crentes do Novo Testamento. Hoje não deveríamos simplesmente condenar o homicídio; pois falar mal, comportar-se mal ou resistir internamente não podem se classificar como homicídios, mas certamente constituem o mesmo que cortar um pedaço da capa de alguém. Tudo se origina de um espírito rebelde.

Davi conhecia a autoridade divina em seu coração. Embora repetidas vezes fosse caçado por Saul, submeteu-se à autoridade de Deus. Até mesmo chamava Saul de “meu senhor” ou “o ungido do Senhor”. Isto revela um fato importante: sujeição à autoridade não se limita a estar sujeito a uma pessoa, mas é estar sujeito à unção que vem a ela quando Deus lhe ordena que seja uma autoridade. Davi reconhecia a unção que havia sobre Saul e sabia que ele era o ungido do Senhor Por isso preferia fugir para salvar a vida a estender a mão para matar Saul. É verdade que Saul desobedeceu à ordem divina e foi rejeitado por Deus; isto, entretanto, era coisa entre Saul e Deus. A responsabilidade de Davi diante de Deus era a de sujeitar-se ao ungido do Senhor.

Davi defendia de maneira absoluta a autoridade de Deus. É exatamente esta qualidade que Deus deseja restaurar. Deus chamou Davi de homem segundo o seu próprio coração, porque Davi sustentou a autoridade divina. O reino de Davi continua até o dia de hoje. O Senhor Jesus é um descendente de Davi. Só aqueles que se sujeitam à autoridade podem exercer autoridade. Este assunto é terrivelmente sério. Temos de arrancar todas as raízes da rebeldia em nós.

É absolutamente essencial que sejamos sujeitos à autoridade antes de exercermos autoridade. A igreja existe por causa da obediência. Temos de nos sujeitar à autoridade de Deus em nosso coração para que a igreja possa ser abençoada. O futuro da igreja depende de nós. Estamos atravessando dias solenes.

Extraído e adaptado do Livro: Autoridade Espiritual

Autor: Watchman Nee

Para Meditar: "Mas Davi respondeu a Abisai: Não o mates; pois quem pode estender a mão contra o ungido do Senhor, e ficar inocente?" 1 Samuel 26:9.

Oração: “Senhor, obrigado pela Tua palavra orientadora. Pai, ajuda-me para que eu seja sempre submisso a Ti e a todos que o Senhor constituiu como autoridade em minha vida.” Amém.

ENVIAR ESTA MENSAGEM PARA AMIGOS

Copyright 2000 - 2010 © - Buscando Jesus - Todos os Direitos Reservados